segunda-feira, 27 de novembro de 2017

Putz, retorceu!

Há alguns meses atrás eu escrevi um post cujo título era "Putz, bateu!" que teve um alto número de acessos na ocasião. Diferentemente da situação apresentada naquele post, esse que aparece na foto infelizmente não tem salvação ao que tudo indica. Como a foto é bastante antiga, com certeza vale o registro. Se você já está me dando a honra da visita, não deixe de dar aquele like bacana na página do Facebook e de seguir o blog também. Desta maneira, você fica sabendo de tudo o que rola aqui no blog, visto que sempre há um post novo todos os dias. Os botões de curtir e seguir estão aqui a sua direita, bem rápidos e fáceis. Para seguir o blog é necessária apenas uma conta do Google, coisa que todo mundo tem hoje em dia. Além disso, a sua direita também há um botão para que você possa se inscrever em meu canal do Youtube, onde muitas novidades aparecerão em um futuro muito breve para somar com alguns vídeos que lá já existem, visto que já apareceram os primeiros vídeos voltados aos carros antigos. Clicando nesses botões e dando essa forcinha, você está prestigiando o blog de uma das melhores maneiras possíveis para que ele continue crescendo e mais pessoas possam conhecer todo o conteúdo que é postado aqui para todos aqueles que, assim como eu, são apaixonados pelo fantástico mundo do antigomobilismo com admiração pelo incrível universo dos Volkswagen refrigerados a ar.
Provavelmente quando você (assim como eu) tirou sua Carteira Nacional de Habilitação deve ter ouvido falar bastante de direção defensiva. A direção defensiva é uma técnica passada na formação dos condutores afim de se minimizar os danos em acidentes e também gerar um trânsito mais seguro. Provavelmente o caso da foto não foi fruto da ausência de direção defensiva, mas foi muito feio pelo que se vê.
A foto que vocês veem ao final do post eu recebi num grupo de Whatsapp por meio do envio do meu amigo Valério Athaydes. Ao ver a foto, ele chegou até a me marcar e claro, eu já o avisei que ela viraria um post. Na imagem, aparece um Fusca do modelo "Split" (com as simpáticas duas janelas atrás) após uma forte colisão frontal com um caminhão no exterior. Infelizmente da porta do motorista para frente nada sobrou do Fusca. Esperemos em Deus que tenham sido mínimas as vítimas nessa ocasião que deve ter acontecido há, no mínimo, 50 ou 60 anos.
Quero agradecer ao Valério por enviar a foto!
Veja:


3 comentários:

  1. O negócio foi feio ai, mas enfim... milagres existem...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aí eu acredito que seja impossível (ou quase) a recuperação.

      Excluir
  2. Ah sim, o Fusca não tem mais salvação...

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito bem vindo!