quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

Um Karmann Ghia excepcional

Antes de começar a ler esse post, prepare-se para ver um exemplar de um dos mais bonitos Volkswagen que já existiram de todos os tempos. Se você já está me dando a honra da visita, não deixe de dar aquele like bacana na página do Facebook e de seguir o blog também. Desta maneira, você fica sabendo de tudo o que rola aqui no blog, visto que sempre há um post novo todos os dias. Os botões de curtir e seguir estão aqui a sua direita, bem rápidos e fáceis. Para seguir o blog é necessária apenas uma conta do Google, coisa que todo mundo tem hoje em dia. Clicando nesses botões e dando essa forcinha, você está prestigiando o blog de uma das melhores maneiras possíveis para que ele continue crescendo e mais pessoas possam conhecer o conteúdo que é postado aqui.
Quando eu disse lá nas primeiras linhas desse post que você veria hoje um dos mais bonitos Volkswagen já fabricados, eu não exagerei. Os anos 50, 60 e 70 (em especial, as outras décadas também trouxeram modelos interessantes) fizeram muito bem para a VW no quesito de design, além de cores muito bonitas. Nos anos 60, nasceu essa maravilha que vocês verão ao final do post.
O Karmann Ghia foi um dos primeiros esportivos nacionais que nós tivemos, tendo um desenho diferenciado e que foi muito desejado por boa parte dos jovens da época. Esse carrinho simpático que nasceu com o modesto motor 1200 de 36cv, foi evoluindo mecanicamente e sofrendo leves alterações na estética conforme os anos foram passando, até sair de linha no início dos anos 70 para a o lançamento de seu sucessor, o Karmann Ghia TC. Nesses anos de ouro em que esse exemplar foi fabricado, também foram vendidas poucas unidades conversíveis, carros simplesmente maravilhosos e pouco acessíveis para muita gente.
A reportagem que vocês veem ao final do post foi produzida pelo Acelerados e demorou muito para ficar pronta. Nela, é mostrada a ressurreição de um Karmann Ghia ano 1970 que pertence ao Paulinho da Viola, artista que eu tenho muito apreço. Com certeza entre os artistas que tocam absurdamente bem violão ele está entre os maiores pilares. Este clássico do Paulinho ficou parado por aproximadamente 30 anos e, após um fã também apaixonado e colecionador de Karmann Ghia conhecer o ídolo, começou a restauração do belo KG vermelho montana.
O vídeo é fantástico e o carro ficou lindo.


Clique aqui para assistir a matéria!

4 comentários:

  1. Kanduxo, eu me lembro desse Karmann Ghia do Paulinho da Viola de uma reportagem que eu li na Quatro Rodas há mais ou menos esse tempo ai, uns 30 anos quase, porém, o curioso é que na revista ele era todo BRANCO, pena eu não ter mais a revista aqui, mas eu lembro perfeitamente do carro e também de que na matéria ele dizia que não passava dos 80 Km/h com o carro, que 100 era muito para ele hehehehehehehehe.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E no vídeo ele diz que o carro andava muito...hehehehe

      Excluir
    2. E já naquela época a pintura branca do Karmann já dava sinais de cansaço, vai ver que foi nessa época que ele encostou o carro, e motores 1600 realmente têm muito torque e andam bem, mesmo sendo carburação simples (a dupla então... imagino que seja um "foguete".)

      Excluir
    3. Pode ser, realmente. Quanto a dupla, o 1600 anda super bem com ela.

      Excluir

Seu comentário é muito bem vindo!