sexta-feira, 11 de novembro de 2016

Uma Brasília espetacular!

Com certeza esse é um dos exemplares mais bonitos que eu já pude ver. Não sei se é questão de necessidade, mas com certeza o dono sentirá saudades desse carro após a sua venda. Se você já está me dando a honra da visita, não deixe de dar aquele like básico na página do Facebook e de seguir o blog também. Com esses dois cliques que estão aqui, a sua direita, você fica sabendo de tudo que rola aqui na página todos os dias.
A linha VW a ar foi muito além de produzir o carro mais amado do mundo. Toda a inteligência de Ferdinand Porsche não foi usada somente na criação do Fusca, mas pôde ser aproveitada em diversos outros modelos que apareceram anos depois.
Talvez Porsche não imaginasse isso quando desenvolveu o Fusca, mas o que há de melhor no besouro é a sua plataforma. Todo o conjunto mecânico e chassi do Fusca foram utilizados em diversos outros carros fabricados pela VW no decorrer do século passado. Se pararmos para analisar todos os modelos que o "coração" de um Fusca foi implantado, poderíamos falar horas e horas sobre. Hoje, o post trata de um dos modelos mais bem acertados de toda a linha e muito provavelmente um dos melhores projetos da VW do Brasil até hoje: A Brasília (Ou "O Brasília", como o proprietário do carro do vídeo diz).
Esta simpática Brasília que aparece no vídeo é ano 1974, e foi postada pelo canal do Youtube Autodrama. Seu proprietário, o senhor Atos, que narra todo o vídeo, conta a história do exemplar e lista toda a originalidade que o carro tem. As modificações que ele cita no vídeo, principalmente pelo fato do carro atingir 92% de originalidade na verdade são melhorias, que fizeram dessa Brasília um carro pra lá de agradável. O modelo continua sendo um dos carros que tem a maior área envidraçada que eu particularmente já vi.
O carro fala por si e, acredite, está a venda.
Veja:



 

5 comentários:

  1. Show de bola e o preço que ele pede não é caro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também achei. Principalmente pela procedência do carro.

      Excluir
    2. Mesmo se for transportar para outro estado, compensa.

      Excluir
    3. Principalmente se conseguir um transporte mais barato, como rachar a cegonha com alguém que esteja trazendo ou levando um carro pra lá.

      Excluir

Seu comentário é muito bem vindo!