domingo, 16 de outubro de 2016

Propaganda da Brasília: Um carro grande em um carro compacto

Embora o meu pensamento seja muito parecido com a linha de raciocínio aplicada na propaganda, não fui eu quem bolou esse texto, ele é simplesmente mais um título de uma publicidade muito bem elaborada da VW.
Existem muitas coisas de antigamente que me encantam e que vão muito além dos carros. Se eu entrar no Youtube e buscar por propagandas antigas de carros, eu passo facilmente muito tempo me entretendo com os conteúdos inclusos nas publicidades de época. Antigamente as propagandas tinham uma maior duração, tendo assim mais tempo para convencer o consumidor de que o produto X que estivesse sendo anunciado era realmente bom. É claro que hoje os tempos são outros e nós ainda temos propagandas boas (e outras péssimas e super sem graça), mas esse sentimento de nostalgia passado por aquilo que foi produzido antigamente em uma realidade muito diferente da de hoje.
A propaganda que aparece ao final do post não é um vídeo para TV, como geralmente encontramos na internet. Desta vez, trago para vocês uma propaganda impressa que possivelmente foi veiculada em jornais e revistas voltadas à área automotiva. Nela, é feita a divulgação da Brasília, um modelo que, pelo menos ao meu ver, foi um carro muito a frente do seu tempo, pois já trazia muitos detalhes que hoje são utilizados ainda que no princípio da ideia em carros compactos atuais. A área envidraçada enorme, um espaço interno bem maior que o de nosso querido Fusquinha aliados à mecânica VW boxer que já era um sinônimo de confiabilidade tornavam a Brasília um carrinho muito acertado.
O ponto a ser evidenciado nessa propaganda é o espaço interno, bem descrito na publicidade abaixo.
Veja:

 

2 comentários:

  1. Inclusive dizem que a Brasília era pra ter durado mais tempo que o Fusca, que quando tiraram-na de linha em 1982 os caras disseram: "Matamos o carro errado", mas enfim... o fato é que o Fusca ainda durou 4 anos mais que a Brasília e ainda ressurgiu 7 anos depois...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os dois tiveram um papel muito grande na nossa indústria automobilística. Talvez a Brasília fosse mais negócio para a VW, mas o Fusca ainda tinha uma boa aceitação no mercado.

      Excluir

Seu comentário é muito bem vindo!