domingo, 9 de outubro de 2016

O lado clássico do trânsito

Esse é mais um post que vai para a categoria dos especiais principalmente pelo fato da origem da contribuição de hoje.
Com o passar dos anos muita coisa mudou. Ontem mesmo eu falava aqui sobre a evolução dos meios de transportes e de tantos avanços que o meio automobilístico teve no passar das décadas. Hoje, ao ver as imagens que aparecem ao final desse post, logo me lembrei de uma brincadeira antiga que, ainda que não seja mais tão feita hoje, sempre é lembrada nas redes sociais, que é a brincadeira do "Fusca Azul!". Acredito que eu nem precise falar como a brincadeira funcione, visto que todo mundo ao menos já ouviu falar sobre.
A contribuição de hoje vem de uma fonte um tanto especial e que está sempre muito perto de mim: Meu pai. O cara que sempre faz uns flagras bacanas e de "bate pronto" atacou novamente com duas fotos que nos colocam para pensar na grande quantidade de clássicos que ainda abrilhanta nossas ruas.
As fotos que aparecem ao final do post foram tiradas bem próximo de casa. Segundo meu pai, ele parou no semáforo e, ao olhar para o seu lado esquerdo, logo viu este Fusca azul e resolveu fotografá-lo para que pudesse me mostrar e claro, para que eu pudesse participar essas duas imagens com vocês. Como o tempo do semáforo é curto, foi possível apenas produzir duas fotografias (uma delas com ele já em movimento) desse exemplar dos anos 70 que aparenta ser um Fusquinha muito usual, mas que não deixa a pinta de carro clássico. Isso se mostra bem aparente pelo fato dele usar as tradicionais faixas brancas nos pneus.
Mais uma vez eu venho aqui agradecer ao meu pai que, mesmo não escrevendo nenhum dos quase 500 posts publicados, sempre teve a sua participação muito ativa na página.
Vale ressaltar que você não deve (ou ao menos não é recomendado) praticar a brincadeirinha do Fusca azul com a pessoa que estiver do seu lado ao ver as fotos desse post...hehehe
Veja:




5 comentários:

  1. Oh meu Deus !!! Lá vem de novo meu Amado Filhão, me enaltecer como se isso fosse preciso...e digo isso por dois motivos muito importantes, quais sejam: o primeiro pelo fato de que minha Felicidade renasce a cada manhã ao acordar e vê-lo ainda repousando, mas nem.percebe que se faz sem fuvida alguma a minha maior energia, para partir pra luta...e o segundo, é que as tais minhas "contribuições" são ínfimas diante de syas postagens, seus estudos diários acerca dos automóveis e destaque-se especialmente Fuscas, o que dá sustentação a cada vez mais, dar mais ênfase ao assunto que aborda...isso me leva a sempre a tornar-se respetivo, e peço desculpas aos leitores, mas esse "menino" me faz ser repetitivo todos os dias, a repetir, Eu te amo...eu te amo...eu te amo...e eternamente irei te amar! Parabéns pelo post.. Mais um que vale a pena...abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tudo isso só se faz possível pela criação que me deu. O amor é sempre recíproco :)
      Abraço!!

      Excluir
  2. Respostas
    1. Eu sou suspeito pra falar, mas meu pai é uma figura...hehehe

      Excluir

Seu comentário é muito bem vindo!