quarta-feira, 24 de agosto de 2016

Fusca 1970 do Sérgio: Um clássico, uma paisagem e belas imagens!

Esse é o tipo de post que põe qualquer amante de clássicos para babar em cima do teclado.
Em um dos últimos posts que escrevi mostrando algum Fusquinha, disse que era incrível a quantidade de Fusquinhas da década de 60 que estavam aparecendo por aqui. Pois bem, esses exemplares que particularmente me agradam muito estão atacando novamente por meio desse verdinho muito bonito que aparece nas fotos.
Eu geralmente digo aqui que o mais importante no resultado de um projeto envolvendo um clássico é o carro ter a cara do dono, ser diferente, agradar ao seu proprietário. Por mais simples que o carrinho seja, seu dono deve enxergá-lo e notar que o carro está do jeito que queria, ou ao menos no caminho para esse objetivo.
Como todos nós sabemos, hoje em dia vivemos em um mundo onde tudo na internet parece ser flores, e que os editores de imagem e vídeo transformam momentos gravados em coisas maravilhosas, de outro mundo. Esse carro teve, em suas fotos, um recurso que vai muito além da "maquiagem" feita nas imagens hoje em dia, mas sim clicks feitos em ângulos fantásticos que trataram de realçar ainda mais a beleza do Fusquinha.
Esse simpático Fusca verde folha, ano 1970 primeira série pertence ao Sérgio. Esse exemplar marca uma época muito bacana da produção dos VW AirCooled, onde o visual mais "antigo" (se é que se pode assim dizer) presente na linha estava sendo substituído por um que sobreviveria, ainda que com poucas alterações, até o final da linha. Este Fusquinha foi produzido no primeiro semestre de 1970, época que foi feita essa leve reestilização nos modelos. Para ser mais exato, esta reestilização ocorreu a partir do segundo semestre de 1970, onde os modelos são denominados hoje em dia como "segunda série". Isso vale para outros anos de Fusca onde houveram modificações mais ou menos no mês de junho.
O Fusca 1970 1300 do Sérgio é um veículo que dispensa qualquer tipo de comentário quanto à sua integridade. É um Fusca original, com cara de clássico e que segue bem a identidade de um Fusquinha dos anos 60: Tem os bancos originais baixos (com uma tapeçaria mais clara, como nos modelos mais antigos), rodas de cinco furos com calotas (O Sérgio colocou tala larga na traseira, um acessório que, em minha opinião, fica muito bonito em Fuscas dessa época) e outros detalhes, além disso, ele tem um farol auxiliar único, muito parecido com os "caça mulata", muito populares nos anos 60. (Ainda que os caça mulata fossem fixados próximo ao retrovisor do motorista.
Na suspensão, foi montada uma catraca de inox (eu particularmente nunca tinha visto de inox) e o facão foi regulado para que a traseira ficasse na mesma altura que a dianteira. Desta forma, o Fusquinha ficou mais baixo, porém com um aspecto original.
As fotos são verdadeiras pinturas, e o carro fala por si.
Preparem os babadores e protejam os teclados!!








Quero agradecer ao Sérgio por ceder as fotos!
Quer ver seu carro aqui no blog? Me mande um e-mail. 
 

6 comentários:

  1. Lindo carro!!!! Luxo!!! Cor linda também, calotas belíssimas,inteiro o carro do Sérgio. Parabéns!!!?

    ResponderExcluir
  2. Lindo carro!!!! Luxo!!! Cor linda também, calotas belíssimas,inteiro o carro do Sérgio. Parabéns!!!?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Verde folha é uma cor que combina muito com esses exemplares dos anos 60!

      Excluir
  3. Kanduxo, como você diz, o carro deve ter a cara do dono, mas acho que tala larga na traseira não combina com bandas brancas, mas...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu penso de maneira muito parecida. As faixas brancas dão um ar clássico e "comportado" para um Fusquinha, já as rodas de tala larga acabam nos passando uma impressão de esportividade, que vai na contramão das faixas. Para mim, se for para colocar faixas brancas, só se for aquelas fininhas ou como as presentes no carro do Plínio, do post especial de 100 mil acessos...

      Excluir
  4. É a mistura ficou meio nada a ver...

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito bem vindo!