quinta-feira, 23 de junho de 2016

Um "pontinho branco" nas ruas por aí...

Essas fotos que aparecem abaixo da descrição do post foram tiradas ontem, mas como o dia 22 é mais do que uma data especial para nós, amantes do Fusca, resolvi postá-las somente hoje.
Como eu disse dias trás no post do Fusquinha 1968 bege que fotografei na rua, em meio à um mundo automobilístico atual onde todos os carros parecem ser iguais ou ao menos muito parecidos, é muito bacana ver viva a diversidade existente nos carros antigos ainda em nossas ruas.
Esse simpático Fusca branco lótus (pelo menos era o tom da cor que parecia pessoalmente) também é 1968, coincidentemente do mesmo ano do último flagra que fiz. Eu geralmente passo pelo ponto onde ele estava parado ontem e nunca tinha visto o carrinho ali, acredito eu que o dono o estacionou ali para resolver algo perto. Trata-se de um Fusquinha com várias características originais, mas também com algumas modificações, como um insulfilm que lembra muito a tonalidade dos vidros verdes (até achei que fossem os próprios, mas não) dos Fusquinhas. As roda pintadas na cor do carro me lembraram os Fuscas 1961, 1962 e 1963 que tinham, na maioria das vezes, o tom de branco lótus aliado à cor do carro nas rodas. 
Passei hoje lá e o carro não estava por ali novamente.
Eu e todos os antigomobilistas ficamos, sem dúvidas muito felizes quando vemos que carros com mais de 30, 40 ou 50 anos ainda rodam por aí, alegrando e vitalizando esse trânsito que a cada dia nos dá mais margem para confundir modelos.
Veja as fotos desse Fusquinha que, pelo que parece é usado todos os dias!







 

3 comentários:

  1. O Fusca é da hora, o que estragou foi esse "saco de lixo preto" colado nos vidros.

    ResponderExcluir
  2. Eu também não sou adepto ao insulfilm nos carros clássicos.

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito bem vindo!