sábado, 11 de junho de 2016

Alguns interiores FANTÁSTICOS de Fuscas!

Aqui começa mais um post que vai te deixar babando!
Nesta fria noite de sábado me deparei com essas fotos (são quase 40) na página do Facebook VW Vocho, que é de uma galera do exterior e que veicula um conteúdo muito bacana sobre VW a ar. Aliás, já que você chegou até aqui, dê uma passadinha na página deles e deixe um like para ficar ligado em tudo o que eles (magnificamente) postam.
As fotos que seguem abaixo são de diversos interiores de Fuscas, sejam eles originais ou modificados. Aparentemente nenhum desses carros é brasileiro, mas são excelentes parâmetros para você que está restaurando um antigo ou até mesmo querendo dar um "tapa" na tapeçaria do seu carro. Se o teu intuito é fazer a tapeçaria no padrão original (que eu particularmente adoro), dê uma corrida no marcador de "Padrões de Originalidade" que lá tem algumas dicas a respeito.
Nos próximos dias teremos muitos posts interessantes e muito variados, fique ligado!
Preparem os babadores e protejam os teclados, pois as fotos são excepcionais!!




Este belo interior deste Fusca cabriolet segue o padrão de cor muito semelhante às tapeçarias na cor gelo e caramelo nos anos 70 (principalmente nos Fuscas 1500). Muito requinte aliado à algumas melhorias que aparecem nas fotos, como uma alavanca de engate rápido EMPI e a adição de instrumentos ao painel original.



Esses interiores são de Fuscas dos anos 50. Com um falante grande no painel, grande maioria dos comandos são em lugares diferentes em relação aos Fuscas mais novos. Estes em especial lembram muito os interiores originais.




Eu particularmente achei esse interior muito bonito. Os bancos e forrações em duas cores deram um ar bem clássico ao Fusquinha, e o volante esportivo (aparentemente um EMPI) caiu como uma luva no conjunto.
















Este interior lembra muito o vermelho turim, muito popular nos anos 60 e 70, que aliás aparece em algumas fotos desta seleção. A diferença desse para o turim é a tonalidade, este da foto é bem mais claro. Outro fato que chama a atenção é o volante "morcego", como é conhecido aqui no Brasil, combinado ao painel com o rádio já no centro.









Este é o interior vermelho turim. Alguns carros com esse interior já foram postados aqui no Blog. O 1968 do Magu Porto é um exemplo.


Se eu descrevesse todas as fotos o post ficaria muito longo e claro, eu só terminaria amanhã se me atentasse à todos os maravilhosos detalhes que cada interior oferece. Espero que tenham gostado!
 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito bem vindo!