sábado, 14 de maio de 2016

Uma história de um Zé do Caixão 1969 fora de sério!

Esse é mais um post que mostra um carro que tem história.
Quando eu digo que o blog trata de Fuscas e carros antigos é exatamente para abranger esses tipos de carros, principalmente todos da linha VW a ar.
O vídeo abaixo mostra a história de um VW 1600, mais conhecido como Zé do Caixão ou Fusca 4 portas. Como o proprietário do carro disse, o Zé hoje é um carro bem raro de ser visto nas ruas (coincidência ou não, eu vi um essa semana mesmo no trânsito), visto a pouca quantidade de exemplares produzidos. Esse carro foi um dos modelos (junto com a Brasília, Variant e TL) que introduziu muitas melhorias mecânicas na engenharia dos VW a ar, como a adoção de freios a disco, da suspensão de pivôs, das lanternas de ré e também da ampliação do motor para 1600cc, que permaneceu em várias versões dos Fusquinhas posteriormente.
Além disso, a VW ainda trazia um carro com quatro portas, algo muito incomum para o público que adquiria carros baratos e populares que tinham muitas vezes por preferência do público, modelos com apenas duas portas, como o Fusquinha. Foi até citado no vídeo que o carro foi muito usado como taxi pela sua praticidade de ter duas portas a mais.
Preparem os babadores e protejam os teclados!!

Um comentário:

  1. Eu já tinha visto esse vídeo, só a linha Fusca proporciona momentos como esses e uma coisa eu digo: A má fama do Zé do Caixão foi injustiça, pois já andei de carona em um e o carro e maravilhoso de se andar, macio e anda bem.

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito bem vindo!