domingo, 20 de dezembro de 2015

Vídeo de Natal/Ano Novo: Biela Torta

A grande maioria da galera que está sempre antenada no mundo automobilístico online, geralmente tem seu (ou seus) Youtuber preferido, que segue o canal, que assiste, dá aquele joinha ou comenta nos vídeos. Possivelmente você, meu amigo, que está lendo se enquadra nessa estatística, não?
Bem, eu, como todos vocês tenho meus Youtubers prediletos e tento, na medida do possível, acompanhar o que eles postam. Tonella, Eduardo Saura, Diego Velocimetros, Dr. Carro, AJ Carburadores, Thiago Gaban e tantos outros são exemplos de quem eu geralmente assisto os vídeos.
Além de todos esses que eu já citei, geralmente eu assisto o humor automotivo do canal Biela Torta, que hoje nos presenteou com este belo vídeo de final de ano, mostrando o quanto os carros, nas mãos de quem os apreciam, são importantes e são capazes de fazer parte de nossa vida.
Este vale a pena assistir!

sexta-feira, 18 de dezembro de 2015

Fusca 1967 1300 - Osvaldo Vitte Filho

Meus amigos, estão ouvindo o ronco? Está estacionando mais um belo besouro aqui no blog!
Toda vez que vemos um carro antigo, seja ele por foto, pessoalmente, na TV ou algo do tipo, de poucas coisas podemos ter certeza, mas de um fato ninguém pode duvidar: Com toda a certeza todo clássico já teve seus dias de glória, seus dias de novo, seus dias de oficina, seus dias tristes. Carros antigos, através de marcas do tempo nos mostram isso.
Muitas vezes um carro antigo é muito usado no início de sua vida, e depois de tanto servir a seus proprietários, acaba sendo esquecido em garagens, terrenos, ou até mesmo na rua. E ali ficam, muitas vezes, esquecidos somente vendo o tempo agir sobre seus componentes. Feliz é aquele cara que compra um clássico, porém é mais feliz ainda aquele que "ressuscita" um clássico. Carros antigos foram feitos para rodar, e cá entre nós, que maravilha "satisfazer" esses carrinhos.
Bom, falo tudo isso por um simples motivo: Esse belíssimo Fusca 1967, com motor 1300 pertence ao Osvaldo. Este carro ficou parado por algum tempo e graças ao empenho do Osvaldo hoje ele roda em plena saúde e com muito estilo.
Já há alguns anos em que o Osvaldo comprou esse carro, no estado em que as fotos mostram, todo desmontado e com as peças guardadas.



Com o carro em mãos, o Osvaldo começou a desenvolver o projeto como ele queria: Um carro com uma estética original mas com alguns acessórios que lhe agradassem. Com isso ele fez a instalação de uma suspensão a ar (creio eu que se fosse fixa, de acordo com esse mundo politicamente correto ele seria condenado por homicídio de muitas todas as vezes que saísse com o carro...haha), rodas de tala larga na traseira, uma revisão mecânica, uma pintura nova, parachoques modificados (sem aquelas grades em cima) e com batentes, friso no capô dianteiro com a medalha, como nos modelos até 1965 e muitos outros detalhes.
A próxima intervenção no carro será a instalação de um teto ragtop. Aguardamos fotos!
Bom, chega de conversa, vamos ver o carro pronto. Preparem os babadores e protejam os teclados!












Quero agradecer ao Osvaldo por ceder as fotos!
Quer ver seu carro aqui no blog? Me mande um e-mail.


quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

Fusca 1965, a Hebe Camargo: Guru Gopan

Depois de um longo e tenebroso inverno (ou verão), volto a postar. Estive numa correria neste final de ano e não pude deixar o blog sempre atualizado, peço desculpas a toda a galera que acessa, pois sempre procurei postar com mais frequência.
O carro que eu mostro hoje é um belo brinquedo: Forte, clássico, diferente, nostálgico talvez, um carro de muita personalidade.
Este Fusca 1965, ou "Hebe Camargo", apelido dado pelo Guru ao besouro, é o carro que embelezará este post. Como o próprio dono diz, esse é o típico Fusquinha de um "boy" dos anos 70, época onde os jovens tinham muitas opções de personalização em seus carros. No lugar de LED's, câmeras de ré, centrais multimídia, sensores de estacionamento, faróis xênon, e muitos outros acessórios, a galera da época se divertia com um toca fitas (ou para quem tinha menos recursos, um radio comum, geralmente só AM), um "caça mulata", farol único afixado praticamente na lateral do Fusquinha dentre muitos outros detalhes. O carro do Guru segue exatamente esse estilo.
Ao mesmo tempo em que muitos podem enxergar um carro totalmente modificado, muitos podem ver um carro com detalhes originais nesse Fusca. Dentre tantas modificações, se nota (na dianteira) rodas fechadas originais, como saía no 1965 de fábrica, além dos parachoques cromados, faróis olho de boi, o (belo) vidro traseiro menor (inclusive foi um dos últimos anos a sair com este vidro) e tantos detalhes.
Nas modificações, vamos começar pela suspensão: Esse carro é rebaixado, usando rodas de tala 4" na frente, com pneus 155/60 R15, e 8" na traseira, com pneus 195/55 R15. No agregado mecânico, o carro conta com um câmbio 8X33 (Fusca 1500) com um motor 1700, comando W100 (o que gera torque em baixas rotações), ignição eletrônica, e uma dupla Solex 32 com borboletas de 34mm, venturis 24 polidos e todo o requinte de um carburador preparado pela AJ Carburadores. Além disso, ele também terá um escapamento dimensionado 4x2 sem abafador, que aparece nas fotos.
O melhor de tudo é que o Guru utilizará esse carro no dia-a-dia, assim como faz com o seu 1961 placa preta. Aliás, ele é um cara de muito bom gosto quanto a carros antigos, pois tem uma garagem de fazer babar!
Bom, vamos as fotos, elas falam por si.
Preparem os babadores e protejam os teclados!





















Quero agradecer ao Guru por ceder as fotos!

Quer ver seu carro aqui no blog? Me mande um e-mail.