quarta-feira, 11 de julho de 2012

DKW Vemag, primeira industria automobilistica no Brasil.

Pessoal,
Além de minha paixão por jeeps, VW a Ar, gosto muito de DKW Vemag, a primeira marca de automoveis que chegou ao Brasil.

Esta simpatica marca Alemã fez a diferença com seus carros diferentes, algo novo para os brasileiros da epoca...



O video postado mostra a evolução da industria em seu 8º ano de produção.
A DKW se instalou  no Brasil em 1956, e, até 1967, se paermaneceu viva produzindo carros de extrema qualidade, estes eram:

DKW Vemag "Vemaguete" - Era a perua da marca, com motor dois tempos, 3 cilindros em linha e 900 cilindradas de pura emoção, era um carro destinado a familias. As portas com abertura inversa a forma atual faziam sucesso quando mulheres saiam de modelos DKW, inclusive, ficou o apelido de "Dexavê" para este segmento da marca.

DKW Vemag Belcar - Antes chamado somente de "DKW Vemag", o Belcar também era um carro destinado a familia, uma outra opção (não uma concorrência) além da Vemaguete. Ele tinha as mesmas configurações mecanicas da Vemaguete e as portas abrindo ao contrario, a partir de 1965, 1966 as portas passaram a abrir como os outros carros, devido a brincadeira feita com tal diferença, como na foto.

DKW Vemag Fissore - Carro Italiano da DKW desenvolvido por brasileiros, com as mesmas configurações, se manteve nas vendas na decada de 60. O cofre do motor dele é enorme em relação ao tamanho do pequeno motor dois tempos 900 cc utilizado nos DKW's, pois a pretenção era ser colocado um motor 6 cilindros a gasolina, porém, o projeto não foi posto em pratica.

DKW Vemag Candango - Agora chegou a minha praia! Um Jeep fabricado pela DKW com as mesmas configurações, tração 4x4 e valentia de sobra. Ele veio ao Brasil para concorrer com o Jeep Willys CJ3 e CJ5, que todo mundo conhece.Alguns ainda são vistos em trilhas off-road no Brasil.


DKW Vemag Puma - Quem não se lembra dos Puma, VW?Então, eles vieram daí, a Vemag produziu durante os anos 60 o Puma,com um ar mais esportivo e carroceria muito proxima da VW, baixinho, desenvolvendo boas velocidades finais.

Em 1967, a Vemag foi comprada pela Volkswagen, que tinha mais vendas com o Fusca e Kombi, e, eles aproveitaram o projeto do Puma, colocando o motor boxer do Fusca e dando outras linhas.
Hoje, o que sobrou da Vemag foram as boas lembranças e alguns DKW de colecionadores e amantes que ainda rodam. Infelizmente muitos estão quebrados, abandonados, adaptados ou simplesmente, esquecidos.

O DKW nas corridas fez bonito, eles eram preparados e corriam contra Fuscas, Pumas e Gordinis.Olhem umas fotos:







Ahhh...e as propagandas? Vão algumas delas:






                                                            Materias do DKW no Programa Vrum:

                         

                        
                        

3 comentários:

  1. Vemaguete era 4 cilindros em linha como está postado a cima ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não. Houve um erro de digitação. Já foi corrigido ;)

      Excluir
  2. "Hoje, o que sobrou da Vemag foram as boas lembranças e alguns DKW de colecionadores e amantes que ainda rodam."


    Também sobrou os restos mortais da fábrica da Vemag que ainda resistem bravamente de pé até hoje, sei porque moro perto da antiga fábrica e vez ou outra passo em frente, o link abaixo é de 2009, porém, de lá pra cá nada mudou.

    http://www.saopauloantiga.com.br/vemag-uma-fabrica-que-agoniza-no-tempo/

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito bem vindo!